Curtindo a neve no Chile


Frio intenso
Em uma de nossas viagens a Santiago do Chile, fomos ver neve nas montanhas. Escolhemos a cidade de El Colorado, pela proximidade da cidade e por ser uma das primeiras que já tinha neve no mês de maio. Contratamos uma van, que levava mais um punhado de esquiadores para a montanha. Nosso objetivo, na verdade, não era esquiar. Já tentamos de outras vezes e chegamos à conclusão de que se perde muito tempo com aulas, se gasta muito dinheiro alugando os equipamentos e, como brasileiros, não temos uma grande vocação para o negócio. Então, se vamos às montanhas geladas, dedicamo-nos no máximo a tomar bebidas quentes, experimentar a gastronomia local e brincar com a neve, arriscando-nos no máximo a praticar um skibunda.

As vans que subiriam a Cordilheira dos Andes saíam pela manhã de uma agência localizada próximo ao grande shopping Parque Arauco. A viagem durou aproximadamente uma hora. Descobrimos que a estrada que leva a montanha fica aberta para a subida pela parte da manhã e para a descida pela parte da tarde. Tão íngreme e sinuosa que é! A estrada é de difícil acesso e muitos carros utilizam correntes nos pneus. Por isso, se você não curte aventura em

Diversão garantida
nível avançado, procure contratar um transporte. Melhor que alugar um carro e ser responsável por toda a subida. O caminho até lá é bonito. A emoção começa quando pequenas partes de terra negra estão salpicadas pelo branco da neve. E à medida que se sobe tem-se uma bonita visão das paisagens brancas que vão ficando para trás.

Chegando em El Colorado encontramos uma profusão de esquiadores subindo pelo teleférico ou tomando aulas nas pistas para iniciantes. O prédio do centro de esquis fica lotado de gente buscando o calor do ambiente aquecido. Nossas atividades incluíram passear pela neve, fotografar muito a paisagem branca, fazer uma guerra de
Pose para foto
bolas de neve, admirar os esquiadores experientes, observar os tombos dos aprendizes e, por fim, descer um pequeno morro gelado sentados em sacos plásticos improvisados. Skibunda é diversão na certa! Mais tarde cedemos ao frio e ao cansaço e fomos buscar uma refeição quente em um restaurante próximo. Passamos o resto da tarde degustando alguns cappuccinos, pois tivemos que esperar até às dezessete horas para tomar nossa van até Santiago.

O programa de um dia é muito legal, principalmente para nós que não esquiamos. Depois de nos divertirmos muito na neve foi reconfortante poder voltar para a cidade mais aquecida!

Leia outras matérias sobre o Chile:
- Santiago do Chile;
- Cachagüa: natureza selvagem no Chile;
- A magia do deserto do Atacama;
- Mistérios dos Fiordes Chilenos.


Leia sobre diversos outros destinos no Chile clicando aqui.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Campos do Jordão, a cidade mais alta do Brasil

O que fazer em Mambucaba - passamos o Ano Novo por lá!

Visitando Quebec, Canadá