Roosevelt Island, Ferry para Staten Island e Ponte do Brooklyn: programas baratos e legais em Nova York

Viagem em agosto de 2018

Times Square

Antes que passe muito tempo da viagem e a memória apague as melhores lembranças, hoje vamos pincelar um pouco de uma cidade de mil e uma atrações: Nova Iorque ou New York, como você preferir.

Mesmo visitando a cidade mais de uma vez, ainda somos surpreendidos com muitas novidades que ver e rever por lá! 

As Torres Gêmeas, por exemplo, deram lugar ao Memorial às Torres Gêmeas

High Line e Chelsea Market

Em 1995, quando nos hospedamos em Newark (New Jersey) para fugir dos altos preços da hotelaria em Manhattan, tínhamos que pegar o metrô e descer na estação WTC (World Trade Center), que ficava bem embaixo das extintas Torres Gêmeas

Na época fizemos diversos programas que todo turista gosta de fazer, como pegar o elevador até o observatório do Empire States, subir as escadas até a cabeça da Estátua da Liberdade e bater perna pela 5º Avenida, visitando a Catedral de St. Patrick, o Rockfeller Center Plaza, o  Museu de História Natural, o Museu Metropolitano, entre muitos outros. 

Em uma segunda visita, fomos rever algumas atrações e visitar novidades como o Hells Kitchen Market (um mercado de pulgas), a Biblioteca Pública de Nova York, o Bryant Park (fica ao lado da biblioteca), o High Line, o Chelsea Market, tudo contado aqui, para você que vai visitar Nova Iorque e não quer perder nada da cidade. 

A terceira visita, objetivo desta matéria, além de pincelar curiosidades da viagem, destaca três programas legais que têm sido bem cotados. E o melhor de tudo, super baratos ou grátis, como você pode conferir abaixo!

Teleférico para a Ilha Roosevelt

Ilha de Roosevelt (Roosevelt Island)

Famoso por ter sido cena de quadrinhos e filmes do Homem Aranha, o teleférico vermelho liga Manhattan até a Roosevelt Island. A viagem é divertida e ainda possibilita  uma bonita vista de Manhattan. Tudo isso ao custo de um bilhete de metrô, por cada viagem. 

E melhor ainda: para dar uma volta e conhecer os principais pontos de Roosevelt Island, você pode pegar o Red Bus, um ônibus circular gratuito, bem próximo ao desembarque do teleférico.

Para saber mais detalhes sobre Roosevelt Island e como pegar o teleférico até lá, entre aqui. É um passeio bem legal que recomendamos para quem tenha tempo de fazê-lo em Nova Iorque!

Ferry para Staten Island: vista grátis da Estátua da Liberdade

Ferry para Staten Island

Estávamos em família e este programa foi bem divertido e grátis! Pegamos o ferry até St. George Station em Staten Island e a graça da viagem fica por conta de passar bem ao lado da ilha onde fica a Estátua da Liberdade, com ótima vista da mesma. 

Verifiquei que hoje uma visita à Estátua da Liberdade custa algo em torno de 136 dólares por pessoa. Aos 28 anos fiz este programa visitando a estátua, subindo as escadas até sua cabeça. Hoje, passados 26 anos, observo que aquele feito não me acrescentou grandes coisas. Não vale todo o dinheiro cobrado. Por isso, recomendo o passeio no ferry que, além de divertido, não pesa nada no bolso. A economia feita poderá ser revertida em outras viagens. 

Leia aqui a matéria "Lugares têm que visitar em viagens" e entenda por que você não precisa visitar todos os pontos turísticos de um destino. 

Como chegar

Pegar metrô até a South Ferry Station, que fica praticamente em frente ao Whitehall Terminal - Staten Island Ferry e pegar o ferry até St. George Terminal. Não esqueça de levar um documento, caso seja solicitado.  

Frequência: de 30 em 30 minutos pelo menos, nos dias da semana e a cada hora nos  fins de semana.

Tempo de viagem: aproximadamente 25 minutos de viagem.

Preço: grátis

Travessia da Brooklin Bridge a pé com vista para Manhattan

Ponte de Brooklyn

Travessia da Ponte de Brooklyn é outro programa descolado em New York

Pegamos o metrô até York Street Subway Station, que fica do outro lado do rio, para fazer a travessia desde o Brooklyn, o que proporciona uma vista espetacular de Manhattan

Caminhamos até a entrada para a subida da ponte. A ideia era ir até o Brooklyn Bridge Parque, ver o Jane's Carroussel. Mas como estávamos em família e minha mãe (78 anos na época) não estava muito bem para longas caminhadas, decidimos seguir direto para a travessia. 

Cidade vista da ponte

Passar sobre o East River, que separa o Brooklyn de Manhattan, é com certeza um programa emocionante. A caminhada não é solitária, já que hoje em dia todo turista tem a mesma ideia. Além disso, a ponte é utilizada pelos nova-iorquinos que fazem este caminho diariamente para ir ao trabalho. A pé ou de bicicleta, eles costumam ter pressa. Por isso, não se esqueça de andar na faixa para pedestres e na direção da sua mão, evitando atrapalhar o tráfego.

Construída em 1966 a ponte é cheia de histórias curiosas, que você pode encontrar com detalhes no Wikipédia

Curiosidades: loja de brinquedos com salão de beleza para bonecas e crianças (detalhe da cadeirinha de salão de beleza para a boneca)

Para crianças e adultos que ainda curtem brinquedos

Encontramos por acaso a American Girl Place New York, uma loja de bonecas enorme, que conta até com um salão de beleza onde podem ser atendidas bonecas e crianças. Um programa bem curioso e diferente, mesmo que você vá apenas olhar. 

Os endereços: há duas lojas em Manhattan, bem perto uma da outra. No Rockfeller Plaza, 75 e outra na 48W 51 St. 

Outras curiosidades que minha criança interior adora

Gastronomia

Sempre anotamos dicas gastronômicas para comer durante a viagem. Nova Iorque é muito eclética e tem uma infinidade de restaurantes, para todos os gostos. Desta vez indicamos aqui os restaurantes preferidos de toda família nesta viagem, após uma votação. 

O Pret a Manger, que hoje em dia é nosso destino certo, em qualquer parte do mundo, pela sua variedade de comidas saudáveis e alternativas. Nossa hospedagem em Nova Iorque não contemplava o café da manhã, por isso diariamente o Pret a Manger era o escolhido para o desjejum. 

Gastronomia variada

O Nish Nush serve comida tradicional mediterrânea, com destaque para árabes e o falafel, e foi nosso escolhido para visitar nos arredores da descida da Ponte de Brooklin, em Manhattan. Os comentários do Trip Advisor indicavam comida excelente. Por isso fomos conferir e não nos decepcionamos. Boas opções também para veganos e vegetarianos. 

Olive Garden (tem um bem perto de Times Square) é um clássico de massas americano que sempre agrada quem está fora de casa. Suas porções são fartas, saborosas e a um preço bem justo. 

Chelsea Market. Apesar de já conhecer o mercado, fomos lá novamente para o almoço. Valeu a pena, já que da última vez passamos por lá sem fome, depois do café da manhã, e não experimentamos as guloseimas locais. 

Novotel Times Square: no coração da cidade

Hospedagem

Por sorte desta vez encontramos uma boa promoção no Novotel Time Square, um bom hotel localizado no coração de Manhattan. Quem lê o Viajando com Puny sabe que somos viajantes conscientes, por isso não gastamos todas as fichas em uma única viagem. E como Nova Iorque é uma cidade cara, qualquer boa promoção deve ser considerada. 

Leia aqui como utilizamos pontos e milhas para hospedagem. Fique atento, pois você poderá economizar muito!

Transporte

Andamos muito a pé, de táxi (estávamos em família) ou de metrô, usando o bilhete Metrocard Pay-per-ride, por Manhattan.

Rockfeller Center

Outros pontos

Enfim, mesmo que você esteja retornando, sempre haverá o que conhecer ou rever em Nova Iorque. Revisitamos a High Line, o Rockfeller Plaza, o Museu Metropolitano e o Central Parque, que sempre merece ser visitado, independente de quantas vezes você vá a cidade. 

Desta vez, para percorrer o parque rapidamente, levei minha mãe em um passeio de tuk-tuk. Um transporte carinho, mas que atendeu perfeitamente nosso objetivo. E para não perder a oportunidade, fomos assistir ao Fantasma da Ópera, na Broadway.

E você? Conhece a cidade de Nova Iorque? Tem recomendações para quem está indo pela primeira vez ou vai revisitar a cidade? Deixe aqui seus comentários ou dúvidas, que poderão ajudar outros leitores!

Leia aqui todas as matérias publicadas no Viajando com Puny sobre a Nova Iorque. Se quiser conhecer outras cidades americanas entre aqui. 

Comece a guardar dinheiro hoje para viajar. Saiba como. Leia o livro Vivendo Bem com o que Você tem, de minha autoria, e aprenda como administrar as finanças, de modo que sobre uma parte de suas economias para você poder viajar.


Comentários

  1. Cidade encantada
    Já visitei mas quero voltar um dia
    Ainda há muito que ver
    Estas descrições nos inspiram
    Passeios maravilhosos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Marina! Nova Iorque é um sem fim de coisas para ver e rever. Obrigada pela sua visita!! Bjs,

      Excluir

Postar um comentário

O que você achou desta matéria? Compartilhe aqui sua experiência com outros leitores!

Postagens mais visitadas deste blog

Campos do Jordão, a cidade mais alta do Brasil

O que fazer em Mambucaba - passamos o Ano Novo por lá!

Visitando Quebec, Canadá